educação

Você está em: Home / Archives / Tag / educação

8 Dificuldades Escolares que os Pais Precisam Prestar Atenção

Categories: Tags:
03/08/2017

aluno desmotivado

O segundo semestre do ano letivo começou. Para a maior parte dos estudantes é motivo para comemorar, rever amigos e voltar à vida normal. Porém, para algumas crianças e adolescentes estudar ou ir para a escola pode não ser tão divertido assim.

Por isso, com a ajuda da neuropsicopedagoga Viviani Zumpano e da neuropediatra, Dra. Karina Weinmann, preparamos uma lista de 8 sinais que podem indicar que o estudante está passando por uma alguma dificuldade que precisa ser avaliada:

  1. Notas ruins em todas as matérias: Se a criança ou adolescente era um bom aluno e de repente começa a apresentar queda do desempenho escolar em todas as matérias, é preciso ficar atento. “Os pais precisam avaliar se há problemas em casa, como divórcio, chegada de um irmão, morte de um parente, etc. Além disso, conversar sobre um possível bullying ou conflito escolar também é importante. Pensar em problemas de visão é uma boa ideia, já que quando a criança não enxerga bem isso pode levar a problemas em sua performance escolar.
  2. Notas ruins em matérias específicas: A criança é ótima em português, mas tem um desempenho ruim em matérias que envolvem cálculos ou vice-versa. Cada dificuldade pode ser um sinal dos diferentes tipos de Transtornos de Aprendizagem, como a discalculia ou dislexia.
  3. Desatenção: A atenção é uma habilidade que se desenvolve com o tempo. Porém, se há reclamações da escola em relação a isso é bom averiguar. A falta de atenção é um dos comportamentos relacionados ao Transtorno de Déficit de Atenção e Hiperatividade (TDAH), mas pode também ser consequência de um sono não reparador, ansiedade, estresse ou depressão.
  4. Agressividade: Se repentinamente a criança começa a apresentar comportamentos agressivos, bater nos colegas ou até mesmo a xingá-los, é um sinal de alerta. Bullying e problemas em casa podem ser a causa, assim como o TDAH ou ainda o Transtorno Opositivo Desafiador (TOD).
  5. Choro excessivo: Do mesmo modo que a agressividade, o choro pode indicar que a criança está passando por problemas com colegas, professores ou até mesmo com a família.
  6. Dificuldades no relacionamento: Crianças brigam e fazem as pazes no mesmo dia e é importante deixar que resolvam suas questões sozinhas. Mas, se a criança não consegue fazer e manter amizades, os pais devem procurar ajuda especializada. A dificuldade de interação social pode ser simplesmente timidez, como também indicar algum transtorno do desenvolvimento, como o autismo.
  7. Oposição excessiva: Por natureza, as crianças costumam desafiar pais e professores. Mas, se as reações são agressivas demais, se há resistência em aceitar regras, se incomodam os demais com suas atitudes e argumentam o tempo todo com os adultos, sem reconhecer sua responsabilidade perante um mau comportamento, os pais precisam procurar ajuda, uma vez que estes sinais podem indicar a presença do Transtorno Opositivo Desafiador (TOD), que costuma aparecer na idade pré-escolar, antes dos 10 anos. Vale lembrar que em 50% dos casos, o TOD e o TDAH acontecem juntos.
  8. Preguiça de estudar: Se não há nenhuma explicação orgânica ou doença diagnosticada, a preguiça de estudar pode estar relacionada à falta de atribuições de responsabilidade em outros setores da vida da criança. “Atualmente, muitos pais não têm o costume de ensinar as crianças a terem tarefas e responsabilidades, como ajudar na arrumação da casa, ou organizar o próprio quarto, por exemplo. A única responsabilidade é estudar. Mas, como não aprenderam esses conceitos de deveres e direitos, alguns estudantes têm preguiça de estudar e acabam indo muito mal na escola.

O que fazer?

Se você é pai ou mãe e identificou algum sinal na lista, o ideal é procurar ajuda especializada. “Quanto mais precoce é o diagnóstico, melhor é a resposta ao tratamento. Mais importante ainda é lembrar que não adianta medicar a criança. É preciso identificar a causa e procurar resolvê-la. Quando necessário são usadas terapias como fonoaudiologia, terapia ocupacional, psicoterapia e neuropsicopedagogia”, explica Dra. Karina.

“A fase escolar é um dos períodos mais marcantes na vida de uma pessoa. Por isso, precisamos estar atentos aos comportamentos das crianças e oferecer recursos que possam ser utilizados para que elas superem as dificuldades, principalmente quando o problema está mais ligado ao gerenciamento das emoções do que a alguma doença física”, conclui Viviani.

Fonte: Assessoria de Comunicação das Especialistas

25 de Julho — Dia Nacional Do Escritor

Categories: Tags:
25/07/2017

dia do escritor 2

O Dia Nacional do Escritor é comemorado em 25 de julho, data instituída em 1960 pela União Brasileira de Escritores.

 

Maior poeta brasileiro do século XX, Carlos Drummond de Andrade nasceu em Itabira, Minas Gerais, em 1902. Faleceu em 1987, no Rio de Janeiro

“Escritor: não somente uma certa maneira especial de ver as coisas, senão também uma impossibilidade de as ver de qualquer outra maneira.” Carlos Drummond de Andrade

Em breves e belas palavras, um de nossos maiores representantes da Literatura Brasileira definiu o ofício de um escritor. No dia 25 de julho comemora-se o Dia Nacional do Escritor, data instituída em 1960 pelo então presidente da União Brasileira de Escritores, João Peregrino Júnior, e pelo seu vice-presidente, o célebre escritor Jorge Amado.

Jorge Amado nasceu em 10 de agosto de 1912 no município de Itabuna, Bahia. Faleceu em Salvador, no dia 06 de agosto de 2001, aos 88 anos.

“Pobres dos escritores que não se derem conta disso: escrever é transmitir vida, emoção, o que conheço e sei, minha experiência e forma de ver a vida.” Jorge Amado

O Dia do Escritor surgiu após a realização do I Festival do Escritor Brasileiro, iniciativa da UBE. O grande sucesso do evento foi primordial para que, por intermédio de um decreto governamental, a data fosse instituída com a finalidade de celebrar a importância do profissional das letras, profissão que, infelizmente, nem sempre tem sua relevância reconhecida.

Erico Verissimo nasceu em Cruz Alta, Rio Grande do Sul, em 17 de dezembro de 1905. Faleceu em Porto Alegre, no dia 28 de novembro de 1975

“Nenhum escritor pode criar do nada. Mesmo quando ele não sabe, está usando experiências vividas, lidas ou ouvidas, e até mesmo pressentidas por uma espécie de sexto sentido.” Erico Verissimo

Com pouco mais de quinhentos anos de história, a Literatura Brasileira, se comparada à tradição literária europeia, por exemplo, ainda é jovem, mas nem por isso menos rica e interessante. Dos primeiros cronistas à literatura contemporânea, oferece uma diversidade de autores que representam os mais variados gêneros, muitos internacionalmente reconhecidos.

Caio Fernando Abreu nasceu em 12 de setembro de 1948 em Santiago, Rio Grande do Sul. Faleceu em Porto Alegre, no dia 25 de fevereiro de 1996

“O escritor é uma das criaturas mais neuróticas que existem: ele não sabe viver ao vivo, ele vive através de reflexos, espelhos, imagens, palavras. O não-real, o não-palpável. Você me dizia “que diferença entre você e um livro seu”. Eu não sou o que escrevo ou sim, mas de muitos jeitos. Alguns estranhos.” Caio Fernando Abreu

 

Em verso e prosa, os escritores brasileiros representam e defendem a identidade cultural do país, fazendo da palavra a matéria-prima de sua arte. Por meio de pensamentos, sentimentos e opiniões, provocam nos leitores diferentes emoções, fazendo rir, chorar, recordar e refletir.

Por Luana Castro – Graduada em Letras

Fonte: http://brasilescola.uol.com.br

15 de março – Dia da Escola

Categories: Tags:
15/03/2017

site-unidadeI

No Brasil, as primeiras escolas foram trazidas pelos Jesuítas no século XVIII. Atualmente, comemoramos no dia 15 de março o dia da escola.

A escola é a instituição, depois da família, mais importante do mundo, exercendo um dos papéis mais importantes na vidas das crianças e jovens. A escola além de alfabetizar também tem o dever de preparar os alunos para exercer a cidadania dentro da sociedade.

O termo escola vem do grego “skholê”, que significa descanso ou lazer. Na Grécia antiga aqueles que dispunham de tempo livre, ou seja, que não exerciam trabalho braçal, desenvolviam atividades de estudo, pesquisa e filosofia.

Já no Brasil, os jesuítas tiveram um importante papel na fundação das primeiras escolas no Brasil. Em 1779, eram 17 Colégios, 25 Casas Jesuítas e 36 Missões realizando a prática da formação religiosa, cultural, cívica e moral dos filhos dos colonizadores, indígenas e, principalmente, da elite que liderava a sociedade da época.

Atualmente as crianças estão indo cada vez mais cedo para a escola, devido aos pais terem que trabalhar, e estes buscam nas escolas, um ensino de qualidade, alimentação e recreação durante o período que seus filhos estarão na escola.

Uma nova modalidade de ensino vem ganhando a cada dia mais credibilidade: as escolas em tempo integral. Atualmente, mais da metade dos estudantes brasileiros da educação básica estão na rede integral. Entre as vantagens está a melhora do rendimento do aluno, a implantação da prática de esportes e a ocupação do tempo ocioso.

No Centro Educacional Terra-Objetivo, o Projeto Eco Político Pedagógico foi e continua sendo constituído através das contribuições idealistas de grandes teóricos: Célestin Freinet, Jean Piaget, Lev Semionovitch Vygotsky, Reuven Feuerstein e Paulo Freire.

Além das diretrizes do Sistema de Ensino e Material Didático Sócioconstrutivista do OBJETIVO.

A essência da escola é a transparência em tudo que faz. Usa-se a liberdade e a democracia como instrumentos de trabalho. Aqui não cabe a desigualdade. E sim a proximidade, acolhimento e ajuda. Busca-se a integração de todo o conjunto: alunos, professores, coordenação, pais e a comunidade extremense para que nossa escola alcance a excelência em tudo aquilo que imaginamos.

Viva o Dia da Escola!

Centro Educacional Terra-Objetivo comemora 13 anos

Categories: Tags:
08/03/2017

Acontece hoje, dia 08 de março, a partir das 19h, na unidade I (Vila Rica) a 1ª reunião de pais e ou responsáveis e educadores, dos alunos do Infantil ao 5º ano do Ensino Fundamental. O encontro será marcado por homenagens ao Aniversário do 13º ano da escola, “Dia da Mulher”, e uma conversa sobre o desenvolvimento escolar dos alunos no 1º bimestre.

A participação dos pais e ou responsáveis é muito importante, além de conhecer um pouco mais a escola, do desenvolvimento dos seus filhos neste primeiro bimestre, também encontrará um ambiente acolhedor e de amizade.

O Centro Educacional Terra tem como objetivo primordial da educação, integrar a educação e a formação humana, envolvendo crianças e adultos, contemplando as famílias, organizando o espaço, observando e elaborando projetos com os alunos, tornando a escola um lugar privilegiado e uma instituição formadora.

Neste ambiente escolar não cabe a desigualdade. E sim a proximidade, o acolhimento e ajuda. Na busca da integração de todo o conjunto: alunos, professores, coordenação, pais e a comunidade de Extrema para que nossa escola alcance a excelência em tudo aquilo que imaginamos.

Para este encontro houve grande envolvimento dos educadores e alunos para a recepção dos pais e ou responsáveis.

Compareça! Participe!

“Pais presentes, filhos envolvidos e participativos!”